Fecha Menu
Agende sua consulta online







    A consulta será confirmada por telefone, sujeita a disponibilidade de data e horário de acordo com a agenda do profissional.

    Doenças nos Olhos

    Você sabia que algumas dificuldades de visão são causadas por doenças nos olhos?

    A avaliação oftalmológica tem por objetivo, além de esclarecer o grau dos seus óculos, descobrir se a saúde dos seus olhos está em dia.

    Muitas doenças oculares possuem caráter genético; outras podem ser causadas por doenças do corpo (como a pressão alta, a diabetes, as doenças da tireóide) e algumas podem ser provocadas ou aceleradas pelo uso de alguns medicamentos (como os corticóides, anti-hipertensivos, anti-depressivos).

    Venha realizar uma avaliação completa com um dos nossos especialistas.

    Doenças nos Olhos

    A catarata é o envelhecimento da lente natural do olho humano, o cristalino. O cristalino é a princípio transparente e vai se opacificando conforme vamos envelhecendo.

    Essa opacificação do cristalino vai dificultando a visão. Primeiro a catarata vai diminuindo a qualidade da visão, alterando a percepção de cores e dificultando a visualização dos contornos.

    Com a sua evolução a catarata vai diminuindo a quantidade de visão, ou seja, não conseguimos realizar a leitura das letras menores na avaliação com as letrinhas do oftalmologista.

    O tratamento para a catarata é feito através de cirurgia. Na cirurgia de catarata é retirada a catarata e é substituída por uma lente intra-ocular que ocupa então o local do cristalino que foi removido.

     

    A miopia é um erro refrativo do olho humano, que provoca dificuldade de visão para longe.

    A causa da miopia é a seguinte: o globo ocular tem o tamanho maior que o normal. Dessa forma a imagem se forma antes da retina ficando portanto borrada, embaçada e sem nenhuma nitidez.

    A miopia pode ser corrigida com óculos ou lentes de contato.

    Após alcançar a estabilização do grau, a miopia pode ser corrigida também pela cirurgia refrativa a laser.

    A hipermetropia é um erro refrativo do olho humano, que provoca dificuldade de visão para longe.

    A causa da hipermetropia é a seguinte: o globo ocular tem o tamanho menor que o normal. Dessa forma a imagem se forma depois da retina ficando portanto borrada, embaçada e sem nenhuma nitidez.

    A hipermetropia pode ser corrigida com óculos ou lentes de contato.

    Após alcançar a estabilização do grau, a hipermetropia pode ser corrigida também pela cirurgia refrativa a laser.

    O astigmatismo é um erro refrativo do olho humano causado pela irregularidade da córnea e provoca a distorção da imagem.

    O astigmatismo pode ser corrigido por óculos ou lentes de contato.

    Após alcançar estabilidade do grau de astigmatismo, este pode ser corrigido através de uma cirurgia refrativa a laser.

     

    O olho humano possui um sistema de músculos, chamado sistema acomodativo, que realiza o foco automático da visão tanto para longe quanto para perto.

    Antes dos 40 anos de idade, o sistema acomodativo vai fazendo o foco automático da visão para perto.

    Após os 40 anos de idade, esse sistema acomodativo começa a falhar e iniciamos a necessidade de utilizar óculos para ajudar a focar para a leitura para perto.

    A presbiopia pode ser corrigida com óculos ou lentes de contato.

    A cirurgia refrativa a laser pode ajudar a amenizar a presbiopia.

    A utilização de lentes intra-oculares multifocais ou trifocais na cirurgia de catarata pode diminuir a dependência do uso de óculos para perto por conta da presbiopia.

    O glaucoma é doença que afeta o nervo óptico.

    O nervo óptico vai recebendo menos oxigênio e por isso suas fibras vão morrendo lentamente.

    As causas para que chegue menos oxigênio até o nervo óptico são muitas mas a única sobre a qual podemos atuar é a pressão intra-ocular.

    Quando a pressão intra-ocular fica alta, chega menos oxigênio ao nervo óptico e então as fibras vão morrendo, iniciando o comprometimento do campo visual.

    No início não se percebe o comprometimento do campo visual por dois motivos: para que o campo visual se altere há a necessidade de que muitas fibras já tenham morrido; perceber o comprometimento do campo visual não é uma tarefa fácil no dia a dia.

    Por esse motivo, o Glaucoma é uma doença silenciosa, progressiva e que pode levar à cegueira irreversível.

    Na sua consulta de rotina, pergunte a um de nossos especialistas se você possui alguma suspeita de Glaucoma.

     

    O olho seco vem sendo cada vez mais frequente, atingindo pessoas de todas as idades.

    O uso do computador, do ar condicionado, as dificuldades para dormir, a dificuldade de hidratação e as inflamações crônicas das pálpebras são os principais fatores que causam o olho seco.

    Os sintomas podem variar muito. Há pessoas que tem olho seco mas não sentem nada. Podem surgir ardência, sensação de olho seco, sensação de areia, coceira nos olhos, lacrimejamento, olhos avermelhados, piscadeira e até dificuldades de visão.

    O tratamento é complexo pois envolve muitas alterações do modo de vida: é necessário melhorar a qualidade do sono, aumentar a ingesta de líquidos, piscar com frequência ao utilizar o computador, usar menos o ar condicionado, praticar exercícios físicos com frequência.

    Além de todas essas medidas, deve-se realizar suplementação com Omega 3,6, 9 e óleo de linhaça; deve-se utilizar lubrificantes em gel e e colírio; deve-se tratar a inflamação crônica das pálpebras.

    Algum desses sinais ou sintomas acompanham você no seu dia a dia?

    Agende uma consulta com um dos nossos especialistas e comece a aliviar o peso da falta de lágrimas.

    Agende sua consulta online







      A consulta será confirmada por telefone, sujeita a disponibilidade de data e horário de acordo com a agenda do profissional.

      Criação de Sites em Curitiba
      Botão WhatsApp